terça-feira, 30 de dezembro de 2008

Show no Hosana Brasil 2008

Olá pessoal, este foi o Show feito por Padre Fábio de Melo no Hosana Brasil 2008, ocorrido nos dias 05, 06 e 07 de Dezembro de 2008. Cliquem no link para abrir o vídeo no YouTube, ou no MP3 para fazer download:

Cara de família (MP3)
Chegada (MP3)
Filho do céu (MP3)
Luz Divina (MP3)
Tudo é do Pai (MP3)
Vida (MP3)

segunda-feira, 29 de dezembro de 2008

Como ter fé no sofrimento


Durante o Hosana Brasil realizado na Canção Nova em dezembro de 2008, Padre Fábio de Melo fez a pregação chamada Como ter fé no sofrimento.

Abaixo você tem os links para baixar o vídeo ou apenas o MP3 desta pregação. Para saber a melhor forma de baixar estes arquivos, veja as instruções clicando aqui.

O vídeo desta pregação está disponível para download clicando neste link, também disponível em MP3 neste outro link. Você ainda pode comprar na loja da Canção Nova o DVD desta pregação, para assistir em sua TV, clique aqui para ir para a loja.

sexta-feira, 26 de dezembro de 2008

Interpretando a Bíblia


Também disponível em MP3.


Programa de 04/Dezembro/2008. Aqui neste vídeo Pe. Fábio de Melo responde à duas dúvidas enviadas por carta. A primeira diz respeito à passagem em que diz respeito aos "irmãos" de Jesus, e Pe. Fábio explica que na linguagem em uso na época não havia uma palavra para se referir à primos ou parentes próximos, se usava "irmão" também nestes casos, então na verdade a passagem se refere aos primos de Jesus. A outra pergunta é se Paulo realmente caiu do cavalo ou se é algo figurado. Pe. Fábio responde que não temos como saber com certeza qual das duas coisas aconteceu, pois da forma como o texto foi escrito, ele pode ser interpretado destas duas formas; mas acrescenta que o mais importante não é o que está escrito "ao pé-da-letra", mas sim o sentido, o ensinamento contido na Palavra.

É amando que se encontra a felicidade


Também disponível em MP3.


Programa de 04/Dezembro/2008. Neste vídeo Pe. Fábio lê uma carta que compara o vinho ao ser humano, dizendo que apenas os vinhos bons ficam melhores com o passar do tempo, semelhante às pessoas de bom caráter, que esforçam-se para ficarem melhores com o passar do tempo. Ricardo Sá, que foi o convidado especial do programa, então partilha sobre uma palavra que recebeu em oração, dizendo que o amor que cura e liberta, não é o amor que dizemos precisar, mas sim o amor que estamos dispostos a dar gratuitamente aos outros. Quanto mais nós nos lançamos na árdua tarefa de amar o próximo, mas curas ocorrem em nossas vidas. As pessoas que reclamam que "ninguém gosta de mim, ninguém me ama" deveriam parar de reclamar e passar a amar mais, pois somente amando que serão amadas.

O amor se desdobra


Também disponível em MP3.


Programa de 04/Dezembro/2008. Neste vídeo Pe. Fábio de Melo recebe o cantor Ricardo Sá, da comunidade Canção Nova, e eles partilham sobre as experiências do amor que eles vivenciam em suas vidas. Pe. Fábio reflete que o amor verdadeiro se desdobra e se mostra de muitas formas. Ricardo Sá, por ser pai, muitas vezes precisa amar sua esposa como se fosse sua irmão de sangue, em outras vezes precisa amá-la como uma amiga. E o mesmo ocorre no seu relacionamento com seu filho. Este é o verdadeiro amor se desdobrando para amar da forma como o outro precisa ser amado. Para que possamos experimentar este amor verdadeiro é preciso gastar tempo conhecendo a pessoa amada, para que possamos demonstrar à ela os gestos de amor que mais irão fazer sentir-se amada.

sexta-feira, 12 de dezembro de 2008

Novo nascimento


Também disponível em MP3.


Programa de 27/Novembro/2008. Neste vídeo Pe. Fábio partilha sobre o acidente de avião que seu amigo sofreu e sobreviveu, foi como nascer de novo; e reflete sobre o renascimento que precisamos experimentar em nossas vidas, sermos transformados pelos obstáculos que a vida nos apresenta. Mesmo se não passamos por uma situação como uma queda de avião, ainda assim passamos por experiências que nos levam ao chão. Muitas pessoas reclamam de seus sofrimentos, das vezes que vão ao chão, mas se esquecem que ir ao chão é a mesma experiência por que passa a semente, e se a semente não for ao chão, não haverá fruto. Precisamos enxergar em nossas quedas uma oportunidade para dar fruto, e crescer.

Humanidade e santidade


Também disponível em MP3.


Programa de 27/Novembro/2008. Aqui neste vídeo Pe. Fábio de Melo atende à uma carta de uma pessoa que tem dúvidas sobre a diferença entre o comportamento da Igreja e o comportamento da sociedade, principalmente no que diz respeito aos bens materiais. Este vídeo fala da primeira parte, sobre a humanidade e a santidade da Igreja. Por ter sido fundada por Jesus, a Igreja é santa, porque Deus é Santo; mas por também ser formada por pessoas humanas, a Igreja é pecadora, pois o pecado é próprio do ser humano. Conforme formos vivendo cada vez mais o convite à santidade, mais estaremos próximos de nos tornarmos, também, santos, unidos à Deus.

Ser rico não é pecado


Também disponível em MP3.


Programa de 27/Novembro/2008. Aqui neste vídeo Pe. Fábio de Melo atende à uma carta de uma pessoa que tem dúvidas sobre a diferença entre o comportamento da Igreja e o comportamento da sociedade, principalmente no que diz respeito aos bens materiais. Este vídeo fala da segunda parte, sobre os bens materiais. Pe. Fábio nos lembra que ser rico não é pecado, o pecado é ser sovino, ou seja, não querer partilhar o que se tem. O dinheiro que se consegue com o próprio trabalho, independente se é muito ou pouco, é honesto, e deve ser usado para o bem das pessoas, deve ser partilhado. O erro está em querer acumular cada vez mais, como prega o capitalismo, que inclusive se aproveita dos mais fracos, que vivem na pobreza, para alcançar o lucro a qualquer custo, aí está o erro. A pobreza que Jesus nos pede não é a pobreza material, pelo contrário, Deus deu à humanidade tantos bens que existe recursos para todos, ninguém precisaria ser pobre materialmente, a pobreza material é fruto do pecado daqueles que não partilham. A pobreza que Jesus nos pede é a humildade de coração, ser manso e humilde de coração, como Jesus.

Doar-se por amor


Também disponível em MP3.


Programa de 27/Novembro/2008. Pe. Fábio partilha neste vídeo sobre uma pessoa que veio falar com ele decepcionada por ter visitado Roma e ter visto tanta riqueza no Vaticano, dizendo que isto era um absurdo, etc. Pe. Fábio ressalta que aquela riqueza é uma herança cultural, são obras artísticas, feitas por grandes pintores da humanidade, e cujo objetivo único é de refletir a beleza de Deus, são obras feitas para o louvor de Deus. O Vaticano até poderia vender tudo aquilo e dar para os pobres, mas isto não resolveria o problema da pobreza no mundo, que é fruto da ganância e desonestidade de muitas pessoas que têm poder e fazem mau uso dele. Pe. Fábio também partilha que muitas vezes escuta pessoas reclamando do dízimo, das arrecadações feitas pela Canção Nova, pelos CDs gravados por Padres. Estas pessoas falam tais absurdos porque não conhecem a obra de evangelização, todos os recursos obtidos desta forma são revertidos para a evangelização, não ficam com os padres. Toda esta doação é feita por amor.

Religião é para religar


Também disponível em MP3.


Programa de 27/Novembro/2008. Neste vídeo Pe. Fábio atende à uma pessoa que foi criticada por não ter assumido um convite para ajudar na Igreja, mas que procura viver o amor em sua família, com uma família bem estruturada. Pe. Fábio lembra que nossa ajuda nas atividades da Igreja deve ser de livre e espontânea vontade, ninguém deve servir na obrigação, achando que com isto pode garantir um lugar no céu. Não é o serviço que nos salva, mas é a vivência do amor. Já que esta pessoa consegue viver o amor em família, Pe. Fábio orienta esta pessoa à, na medida do possível, mostrar esta forma de vivência também ajudando na Igreja. Isto é muito necessário, pois muitas vezes o que menos se encontra em algumas igrejas é o amor entre as pessoas, justamente o oposto do que se esperaria encontrar lá. O objetivo da religião é religar os homens a Deus, separados pelo pecado. A experiência que temos ao viver em uma comunidade cristã, como irmãos, deve nos levar à isto, à sermos religados com Deus. E esta deve ser a motivação de quem serve na Igreja, fazer com que aqueles que chegam possam ser religados a Deus.

sábado, 29 de novembro de 2008

Ser você mesmo


Também disponível em MP3.


Programa de 20/Novembro/2008. Pe. Fábio fala neste vídeo sobre a necessidade que temos de reconhecer nossas fraquezas, sermos nós mesmos. Para tanto, precisamos reconhecer nossas fraquezas, e na medida do possível encontrar alguém, um amigo, para quem possamos partilhar a nossa fraqueza. Só podemos dizer que conhecemos verdadeiramente uma pessoa quando somos próximos dela ao ponto de conhecer suas fraquezas, e os amigos verdadeiros são aqueles que, mesmo diante das fraquezas, continuam amando.

Educando para a autonomia


Também disponível em MP3.


Programa de 20/Novembro/2008. Neste vídeo Pe. Fábio de Melo nos fala que muitas vezes as pessoas têm dificuldade em dizer não para algumas coisas pelo fato de não quererem desagradar aqueles que estão próximos, pois ficam com medo do que eles vão achar daquela atitude. Esta capacidade de dizer não deve ser desenvolvida desde pequeno. A criança consegue desenvolver esta capacidade à medida que os pais vão lhe dando autonomia. As decisões necessária para a criança devem ser tomadas pelos pais apenas enquanto ela não tem capacidade para tanto, assim que ela tiver esta capacidade deve ter oportunidade de fazer suas escolhas, e tornar-se responsável por elas.

A importância do "Não"


Também disponível em MP3.


Programa de 20/Novembro/2008. Aqui neste vídeo Pe. Fábio de Melo lê uma carta de uma psicóloga que manifesta sua tristeza em ver a vida sendo destruída tantas vezes pela falta de um "não" na vida das pessoas. Pe. Fábio nos faz refletir que as grande tragédias são alimentadas aos poucos, uma série de pequenos detalhes que falham é que geram a tragédia. As pessoas precisam ser formadas para poder evitar estas tragédias, e a verdadeira educação só ocorre quando há um equilíbrio entre o sim e o não. Desde criança a pessoa precisa aprender à lidar com o sim e o não que recebe à todo momento. Crianças que sempre têm suas vontades satisfeitas se tornam verdadeiros monstros sociais.

Qualificando a vida


Também disponível em MP3.


Programa de 20/Novembro/2008. Neste vídeo Pe. Fábio de Melo fala que atualmente muito se busca a qualificação profissional, o que é muito importante pois forma bons profissionais, que podem ajudar a sociedade. Mas há uma outra qualidade de vida que deve ser buscada, que é a qualificação da personalidade, buscar ser um bom cristão, seguindo a missão de Jesus, que nos disse que veio para que todos tenham vida em abundância. Para viver o processo de qualificação é preciso também viver o processo do sacrifício, pois a mudança das atitudes implica em esforço, que muitas vezes vem acompanhado do sofrimento. Para buscar esta qualificação é preciso primeiro ter a coragem de reconhecer em nós aquilo que precisa ser mudado. Esta abertura para a mudança faz crescer em nós a esperança, esperança de que podemos criar um mundo melhor, à partir de nossas atitudes. Sem esperança não chegamos à lugar nenhum.

segunda-feira, 24 de novembro de 2008

Inseminação Artificial


Também disponível em MP3.


Programa de 13/Novembro/2008. Neste vídeo Pe. Fábio, juntamente com seu amigo Pe. Mário, falam sobre a visão da Igreja sobre a inseminação artificial e a fecundação "in vitro". A Igreja é solidária com as famílias que têm dificuldade com relação à fertilidade, e pede que não se use métodos artificiais, sendo melhor utilizar métodos naturais, e também considerar a opção da adoção. O principal problema dos métodos artificiais é o fato de estar colocando a vida do embrião em risco, pois a probabilidade de dar certo é muito baixa considerando-se que o embrião pode morrer. A vida começa no momento da concepção, todo embrião já é uma pessoa humana que deve ser respeitada, e devemos lutar para que estas vidas sejam preservadas, o que não ocorre nas inseminações artificiais, que colocam a vida daquela nova pessoa em risco.

Doação de Órgãos


Também disponível em MP3.


Programa de 13/Novembro/2008. Neste vídeo Pe. Fábio, juntamente com seu amigo Pe. Mário, falam sobre a visão da Igreja sobre a doação de órgãos. A Igreja incentiva a doação de órgãos, pois Cristo doou sua vida toda por amor à nós, para salvar nossa vida, e se nós temos condições de doar um órgão para salvar uma vida, devemos fazê-lo, doando também nossa vida pelo nosso irmão.

Deus não se prova, se experimenta


Também disponível em MP3.


Programa de 13/Novembro/2008. Neste vídeo Pe. Fábio fala sobre a experiência que fazemos de Deus, que é diferente de provar a existência de Deus, como se fosse uma prova científica. Esta prova científica nunca irá existir, pois se fosse possível provar a existência de Deus, não precisaríamos ter fé, pois a fé é justamente isto, acreditar sem ter provas científicas concretas. Deus é amor, e da mesma forma que não conseguimos provar à alguém que à amamos, também não conseguimos provar a existência de Deus. O que temos são formas de chegar ao conhecimento de Deus, experimentar Deus em nossas vidas, mas sem provas frias e calculistas. É como quando damos flores à pessoa amada, aquele gesto faz com que ela experimente o amor que temos por ela, e isto ocorre em nossa relação com Deus, pequenos gestos que nos permitem experimentar o Amor de Deus.

Ser à favor da vida


Também disponível em MP3.


Programa de 13/Novembro/2008. Neste vídeo Pe. Fábio recebe no programa Direção Espiritual seu amigo Pe. Mário Marcelo Coelho, que é mestre em Teologia Moral. Pe. Fábio pergunta qual é o tema mais atual sobre a Teologia Moral. Pe. Mário diz que o principal tema atualmente é o resgate do valor da vida, que muitas vezes implica em se colocar contra atitudes que geram morte. Este posição que precisa ser tomada, contra a morte, muitas vezes faz parecer que a Igreja é sempre "do contra", por lutar contra o aborto, o sexo desregrado, etc. Precisamos ser à favor da vida junto com a Igreja, lutar contra a "cultura de morte" que se estabelece muitas vezes na sociedade.

quarta-feira, 12 de novembro de 2008

Afetos integrais e refinados

Durante um Acampamento de Cura e Libertação realizado na Canção Nova em março de 2008, Padre Fábio de Melo fez a pregação chamada Afetos integrais e refinados.

Abaixo você tem os links para baixar o vídeo ou apenas o MP3 desta pregação. Para saber a melhor forma de baixar estes arquivos, veja as instruções clicando aqui.

O vídeo desta pregação está disponível para download clicando neste link, também disponível em MP3 neste outro link. Você ainda pode comprar na loja da Canção Nova o DVD desta pregação, para assistir em sua TV, clique aqui para ir para a loja.

segunda-feira, 10 de novembro de 2008

Vire a página

Durante um Acampamento de Oração realizado na Canção Nova nos dias 17, 18 e 19 de Outubro de 2008, Padre Fábio de Melo fez a pregação chamada Vire a página.

Abaixo você tem os links para baixar o vídeo ou apenas o MP3 desta pregação. Para saber a melhor forma de baixar estes arquivos, veja as instruções clicando aqui.

O vídeo desta pregação está disponível para download clicando neste link, também disponível em MP3 neste outro link. Você ainda pode comprar na loja da Canção Nova o DVD desta pregação, para assistir em sua TV, clique aqui para ir para a loja.

terça-feira, 4 de novembro de 2008

Quando o sofrimento bater à sua porta

Esta pregação chamada Quando o sofrimento bater à sua porta foi feita por Padre Fábio de Melo no Acampamento de Oração ocorrido na Canção Nova nos dias 17, 18 e 19 de Outubro de 2008, e também é o título de um de seus livros.

Se você quiser ter esta pregação em alta qualidade, você pode adquirir o DVD na loja online da Canção Nova.

Abaixo você tem os links para baixar o vídeo ou apenas o MP3 desta pregação. Para saber a melhor forma de baixar estes arquivos, veja as instruções clicando aqui.

O vídeo desta pregação está disponível para download clicando neste link, também disponível em MP3 neste outro link.

segunda-feira, 3 de novembro de 2008

Programa de 30/Outubro

Olá pessoal, no programa de 30/Outubro foi reapresentada a pregação Sofrimento, desafio para gigantes, que foi feita por Pe. Fábio de Melo no Acampamento de Oração ocorrido na Canção Nova nos dias 17, 18 e 19 de Outubro de 2008, que teve como tema Quando o sofrimento bater à sua porta, e que vocês podem assistir aqui no blog.

sexta-feira, 31 de outubro de 2008

Formando a juventude


Também disponível em MP3.


Programa de 23/Outubro/2008. Neste vídeo o tema da formação da juventude é abordado por Pe. Fábio de Melo. Ele faz esta reflexão à partir das constantes tragédias emocionais que ocorrem com a juventude em nossos tempos, que muitas vezes leva a crimes, drogas, suicídios, etc. Isto revela que estamos errando na formação de nossa juventude, precisamos olhar para estas tragédias e tirar lições, observar o que ocorreu de errado na vida das pessoas afetadas para que possamos melhorar a vida daqueles que ainda estão conosco. Pe. Fábio nos faz refletir que a adolescência não é um tempo correto para o namoro, muito menos intimidades sexuais, como ocorre hoje. A juventude tem que ser formada com bom estudo, prática de esportes, boas amizades, etc. E o jovem não pode esperar que as pessoas, o governo, a escola faça isto por ele, ele mesmo é que tem que tomar a iniciativa e buscar sua formação como pessoa.

A solidariedade do sofrimento


Também disponível em MP3.


Programa de 23/Outubro/2008. Aqui neste vídeo Pe. Fábio de Melo nos diz que o sofrimento de uma pessoa é muitas vezes compartilhado com muitas outras pessoas, há uma solidariedade no sofrimento. O fato de haver outras pessoas passando as mesmas dificuldades nos dá força para superar o sofrimento. Pe. Fábio nos faz ver que esta busca pela superação de nossos sofrimentos e de nossas dificuldades já é viver a santidade, não seremos santos apenas quando ficarmos perfeitos, mas a santidade é vivida à cada pequena mudança em nosso jeito de ser. E esta vivência da santidade também passa por perdoar as pessoas que nos fazem sofrer, ao invés de buscar a vingança, que não leva à nada.

Mudar o mundo aos poucos


Também disponível em MP3.


Programa de 23/Outubro/2008. Neste vídeo Pe. Fábio nos faz refletir sobre as ameaças que nossa vida sofre constantemente nos dias atuais. À todo momento escutamos e vemos notícias de assassinatos, seqüestros, roubo, isso sem contar os casos que ocorrem e não ficamos sabendo, pois nem tudo a imprensa mostra. Pe. Fábio nos diz que precisamos ter o cuidado de não se deixar envolver excessivamente por estes acontecimentos, pois isto pode nos paralisar, tamanha a decepção que sentimos. Mas este não pode ser o sentimento do cristão, nosso papel diante destes acontecimentos deve ser o de ajudar a refletir sobre a vida, e buscar os meios para a mudança, não apenas se lamentar. Nós amenizamos os grandes sofrimentos do mundo quando nós tratamos dos pequenos sofrimentos que estão próximos de nós, é preciso cuidar daquilo que nós podemos fazer, nossas pequenas escolhas pelo bem é que contribuem para melhorar o mundo, o desespero não serve para nada.

quarta-feira, 29 de outubro de 2008

Sofrimento, desafio para gigantes

Durante um Acampamento de Oração realizado na Canção Nova nos dias 17, 18 e 19 de Outubro de 2008, Padre Fábio de Melo fez a pregação chamada Sofrimento, desafio para gigantes.

Abaixo você tem os links para baixar o vídeo ou apenas o MP3 desta pregação. Para saber a melhor forma de baixar estes arquivos, veja as instruções clicando aqui.

O vídeo desta pregação está disponível para download clicando neste link, também disponível em MP3 neste outro link. Você ainda pode comprar na loja da Canção Nova o DVD desta pregação, para assistir em sua TV, clique aqui para ir para a loja.

segunda-feira, 27 de outubro de 2008

Programa de 16/Outubro

Olá pessoal, no programa de 16/Outubro foi reapresentada a pregação Maria, mulher de aço e de flores foi feita por Pe. Fábio de Melo no Hallel Canção Nova 2008, vocês podem assistir aqui no blog.

quinta-feira, 23 de outubro de 2008

Programa de 09/Outubro

Olá pessoal, no programa do dia 09 de Outubro, além das duas orientações que eu já postei no blog, que foram feitas no primeiro bloco, também foram apresentados alguns trechos do DVD Bem da Palavra do Bem, no segundo bloco. Quem quiser ter este DVD pode obter mais informações na loja online da Canção Nova:

Ocupar a mente com boas idéias


Também disponível em MP3.


Programa de 09/Outubro/2008. Aqui neste vídeo Pe. Fábio de Melo atende à uma pessoa preocupada com a suposta influência de "trabalhos espirituais" sobre a vida das pessoas, e nos orienta que isto não tem poder nenhum sobre nossas vidas, mas a pessoa é que decide o quanto que isto lhe fará mal. Se a pessoa fica perdendo seu tempo se preocupando com isto, ou achando que isto pode lhe fazer mal, então realmente acabará ficando assim. Precisamos entender que nosso pensamento, nossas idéias, têm influência sobre nossas ações, e conseqüentemente sobre nossas vidas. Se ocuparmos nossa mente com idéias tristes, viveremos a tristeza, mas se ocuparmos nossa mente com bons pensamentos, teremos mais força para seguir em frente.

A tristeza é oportunidade de crescimento


Também disponível em MP3.


Programa de 09/Outubro/2008. Neste vídeo Pe. Fábio de Melo, refletindo sobre a música Contrários, e partilhando da dor de uma mãe que perdeu seu filho de 5 meses, nos diz que quando nós nos deparamos com os contrários que a vida nos apresenta, é a oportunidade que temos de ter uma vida por completo, pois tomamos consciência que a vida não feita apenas de momentos bons, que os momentos de tristeza também têm a capacidade de aprimorar nossa vida, nosso jeito de agir. E nós cristãos temos uma grande ajuda pelo fato da certeza que temos da ressurreição, a certeza de que nossas tristezas, nossas cruzes, não são o fim, mas a ressurreição nos está garantida. Quando perdemos alguém não é para sempre, os encontraremos na vida eterna. Se não podemos modificar o fato, temos que permitir que o fato nos modifique.

sexta-feira, 17 de outubro de 2008

A verdadeira amizade

Também disponível em MP3.


Programa de 02/Outubro/2008. Aqui neste vídeo Pe. Fábio de Melo fala sobre a amizade, dizendo que a verdadeira amizade é identificada quando nós estamos no extremo da alegria ou da tristeza. As pessoas que desejamos que estejam ao nosso lado nestes momentos são os nossos verdadeiros amigos. A amizade verdadeira continua amando mesmo quando o outro não está num dia bom, pois sabe compreender as dificuldades do amigo, mas diante de um desentendimento. Devido à correria dos tempos atuais, não temos mais tanto tempo de cultivar nossas amizades, mas isso não nos impede de saber quais são as pessoas que estão disponíveis, que nos dizem "estou aqui" sempre que necessário.

Marginalizados espirituais


Também disponível em MP3.


Programa de 02/Outubro/2008. Padre Fábio fala neste vídeo que a evangelização tem que ser tanto material quanto espiritual. Uma pessoa que evangeliza apenas materialmente, está fazendo uma evangelização incompleta, da mesma forma aquele que se preocupa apenas com o aspecto espiritual. Existem diversas entidades que cuidam dos marginalizados da sociedade, pessoas que passam fome e outras necessidades. Mas existem muitas pessoas que andam de terno e gravata mas que são "marginalizados espirituais", pessoas que também precisam ser evangelizadas, pois em muitos casos vivem vazios. Padre Fábio insiste que é preciso evangelizar em qualquer lugar onde estejamos, como ele mesmo fez em um lugar totalmente diferente, como uma academia de ginástica, onde ele cultiva amizades, inclusive evangelizando um rapaz que não havia sido batizado, e que com a ajuda de Pe. Fábio passou a ser um cristão, desejo que partiu do próprio rapaz.

Fé não se compara


Também disponível em MP3.


Programa de 02/Outubro/2008. Neste vídeo Padre Fábio de Melo atende à uma pessoa que tem dúvidas sobre sua fé, pois acha que tem pouca fé se comparada com sua mãe. Mas Pe. Fábio diz que a fé não pode ser comparada, pois a fé é composta de diversos aspectos que variam muito de pessoa para pessoa. Pe. Fábio ensina que a pessoa é formada à partir de suas influências e convivências, e o mesmo ocorre com a fé, nossa fé se forma à partir do que vamos conhecendo, e principalmente daquilo que não conhecemos, daquilo que é mistério, e que alimenta a fé. Toda comparação é perigosa pois pode levar as pessoas à pensar que umas são melhores que as outras, gerando por exemplo o racismo. A fé de cada pessoa não é melhor nem pior, mas sim diferente, cada um tem sua experiência particular, mesmo que seja uma fé em comum, como o cristianismo.

Perdoar é soltar pesos


Também disponível em MP3.


Programa de 02/Outubro/2008. Neste vídeo, ao refletir sobre a música Não foi tua culpa Pe. Fábio de Melo nos lembra que obrigações religiosas não nos salvam, elas podem constituir um peso que muitas vezes carregamos sem necessidade, pois somos tentados a achar que devemos carregar conosco os pesos decorrentes do pecado. Jesus veio para nos mostrar que isto está errado, Ele mesmo nos disse para entregarmos nossos fardos pesados, pois o fardo dele é leve. Se não nos libertarmos destes pesos, não saberemos viver. O que nos liberta dos pesos é o perdão, não apenas o perdão ao próximo, mas principalmente o perdão a si mesmo, perdoar-se pelos próprios erros.

Não foi tua culpa


Também disponível em MP3.


Programa de 02/Outubro/2008.

Muitas vezes a vida não joga tão bem,
Se destroem as coisas e os sonhos também,
Nossos olhos se enchem de lágrimas,
Lembrando o que aconteceu

Ninguém nunca nos disse ou tentou ensinar,
Que alguns que se amam podem se odiar,
Quando não se permite ao amor respirar o orgulho consegue ganhar.
Sei não é fácil ver desmoronar,
Tua felicidade num castelo de areia,
Ouvi essas vozes na escuridão
Te acusando e reclamando.

Não foi tua culpa que não te engane com isso,
Não foi tua culpa liberta-te desse peso
Não te torture pensando que mal tens feito
Se deus não te acusa ninguém mais tem o direito
Não foi tua culpa

Não tenha vergonha se queres chorar
Tens uma ferida que deve curar
E se queres olhar a diante o passado se deve sarar
Eu sei não é fácil falar de perdão
O ódio atrapalha e escorresse a razão
Já não busques culpados em teu coração
Mas um refugio onde possas amar

Tenha coragem e segue lutando
A muito por amar em deus não pensa em deixaste
Se andam falando que a historia acabou
A verdade é outra apenas estás começando

Não foi tua culpa que não te engane mais com isso,
Não foi tua culpa liberta-te desse peso
Não te torture pensando que mal tens feito
Se deus não te acusa ninguém mais tem o direito

Tens mais uma chance de ser feliz
Ainda pode dizer ao amor que sim.

Sobre mim

Olá pessoal, algumas pessoas me pediram para acrescentar no blog algumas informações sobre mim, então aqui está :)

Meu nome é Fabiano Castro Pereira, nasci em 15/04/1978, moro em São José, cidade vizinha à Florianópolis, Santa Catarina. Desde pequeno sempre participei da Igreja em minha Paróquia de Santo Antônio, e desde 1995 participo do Grupo de Oração Sopro de Vida, da Renovação Carismática Católica. Foi no Sopro de Vida que conheci minha esposa Simone Medeiros, nos casamos em 2004, e já temos duas filhinhas lindas, a Sara e a Luana.

Quem quiser também pode ver meu perfil no orkut, ou então me mandar um e-mail: fabianocp@gmail.com.

quarta-feira, 8 de outubro de 2008

Religião não é fuga


Também disponível em MP3.


Programa de 25/Setembro/2008. Aqui neste vídeo Pe. Fábio orienta que a religião não pode ser uma fuga dos próprios fracassos, algumas pessoas que não são capazes de lidar com seus fracassos buscam na religião uma fuga, ficam apenas esperando o céu chegar. Mas a religião é feita do agora, é para ser vivida hoje. O mesmo se aplica ao convívio entre nós cristãos, muitas vezes evitamos reconhecer que a convivência é dificultosa, e caímos na tentação da hipocrisia, do chavão "eu te amo em Jesus", sem ir à fundo no significado desta frase, que é o reconhecimento de que não é fácil aturar algumas situações e pessoas, mas que pela força do amor de Deus é que conseguimos.

Parar de "achar" sobre os outros


Também disponível em MP3.


Programa de 25/Setembro/2008. Neste vídeo Pe. Fábio fala sobre viver sem se preocupar muito com o que os outros acham de nós, pois quem vive "achando" sobre os outros é porque ainda não conheceu a essência daquela pessoa. O mesmo também ocorre com o que nós achamos das pessoas, quantas vezes rotulamos as pessoas de antipáticas, mas quando na verdade a pessoa é tímida, não teve a oportunidade de mostrar-se por inteiro. Ou ainda quando se inventam histórias das pessoas, como se elas fossem deste ou daquele jeito. Padre Fábio dá um testemunho de si mesmo, dizendo que muitas vezes ele é rotulado de antipático pelo fato de não gostar de tirar fotos após os seus shows, por causa do cansaço que se abate sobre ele naquele momento. Outra grande dificuldade de relacionamento é que muitas vezes não se dá às pessoas o direito de viverem um momento ruim, de raiva. Muitas vezes esta é a impressão que fica da pessoa, mas que não corresponde à sua essência, foi apenas um momento ruim que a pessoa viveu.

A presença de Jesus na Palavra


Também disponível em MP3.


Programa de 25/Setembro/2008. Aqui neste vídeo Pe. Fábio atende à uma mulher que não tem recebido o Sacramento da Comunhão nas missas porque ainda não conseguiu dar o perdão ao seu marido. Pe. Fábio diz que muitas vezes temos a idéia de que para receber a Comunhão é preciso ser perfeito, etc., o que não é verdade, a Eucaristia é um remédio, e neste caso poderia até ajudar esta pessoa a dar o perdão. Somente em situações muito complicadas é que se recomenda não comungar, como por exemplo quando se vive um segunda união ainda sendo casado com outra pessoa. Nestas situações, Pe. Fábio orienta que as pessoas busquem sentir a presença de Jesus na Palavra, pois conforme a Igreja ensina, temos a presença real de Jesus tanto na Eucaristia quanto na Palavra de Deus. Isto é muito importante pois a Palavra estabelece pontes, seja no Evangelho, ou seja de outras formas, como o próprio programa Direção Espiritual. Padre Fábio dá seu testemunho com a oportunidade que teve de levar a Palavra de Deus em outros programas que não são cristãos, toda oportunidade de levar a Palavra de Deus deve ser aproveitada, seja aonde for.

Vivendo com calma


Também disponível em MP3.


Programa de 25/Setembro/2008. Neste vídeo Padre Fábio, motivado pela música Tem Calma, fala sobre a necessidade de deixar de lado o desespero. É como em um avião que está com problema, quanto mais se desespera, mas dificuldade a pessoa tem de encontrar a saída, quando nos desesperamos é como se tornássemos uma situação que já está difícil, ainda pior. Quando temos calma, fica mais fácil chegar a um lugar à salvo. E o que mais nos facilita para ter calma é o amor, quanto mais nos esforçamos para viver com amor, mais calmos conseguimos viver, pois o amor não combina com a agitação do desespero. Esta calma faz-se ainda mais necessária em momentos de perda, pois ela nos ensina a olhar com outros olhos para a dor que de nós toma conta, nestas horas o desespero só atrapalha.

Tem calma


Também disponível em MP3.


Tem calma contigo mesmo e olha onde vais,
Espera um minuto, pensa no que farás
No meio da tormenta é duro de navegar,
E outra má decisão te pode caro custar.
Nem todo mal momento te faz fracassar,
Se alguém não te aceita só te fará pensar.
Que a vida está cheia de coisas a enfrentar,
Ainda assim há beleza é preciso andar
Segue adiante, sem olhar atrás,
Vive cada dia e nada mais.
E o que vier tu vencerás
Só Tu tens a chave, abres ou fecharás
Tem calma tua vida é um jogo de verdade
E aos outros não culpe por tua mediocridade
Se alguém tem falhado é bom sempre lembrar
Que também tu tens falhas basta de chorar.
Tu és precioso, acredite ou não,
Mas o amor que é amor sempre causará dor.
E como ouro, pelo fogo vais que passar
Purificar-lo todo e o melhor de ti forjar
Ainda que chores, tu vencerás
Só aquele que perde sabe também ganhar.

Mas tem calma...

domingo, 5 de outubro de 2008

Show de lançamento do CD Vida

Olá pessoal, este foi o Show de lançamento do CD Vida, novo trabalho do Padre Fábio de Melo, ocorrido em 20 de Setembro de 2008. Clique no link para abrir o vídeo no YouTube, ou no MP3 para fazer download:

Chegada (MP3)
Tudo é do pai (MP3)
Cara de família (MP3)
Tem calma (MP3)
Deus é capaz (MP3)
Pai (MP3)
Graças, Pai (MP3)
Vida (MP3)
Não desista do amor (MP3)
Mais uma de amor (MP3)
O caderno (MP3)
Tudo posso (MP3)
Busque o alto (MP3)
Filho do céu (MP3)
Luz divina (MP3)

Em breve estarei colocando os vídeos dos últimos dois programas.

sexta-feira, 26 de setembro de 2008

Não desanimar diante de calúnias


Também disponível em MP3.


Programa de 18/Setembro/2008. Neste vídeo Pe. Fábio atende à uma pessoa que está sofrendo muito por ter sido vítima de calúnia e difamação. Pe. Fábio testemunha que também vive isso em sua vida, pois recebe inúmeras críticas ofensivas que não têm fundamentação, e explica que muitas vezes nos deixamos levar pela inveja, e queremos criar uma justificativa para nossa inveja através da calúnia, tentando destruir o trabalho da pessoa invejada, que é muito mais competente. Muitas vezes a inveja é motivada pelo nossa incompetência, não podemos fazer de nossas frustrações e infelicidades uma arma para destruir as pessoas.

Mas não podemos desanimar diante de calúnias, precisamos aprender a seguir em frente mesmo nestas dificuldades, precisamos melhorar a nossa tolerância com as pessoas, saber reconhecer as diferenças, e ao invés de destruir o outro, devemos querer construir a nós mesmos.

Respeitando o direito de envelhecer


Também disponível em MP3.


Programa de 18/Setembro/2008. Neste vídeo Pe. Fábio de Melo fala sobre a atenção que devemos ter com as pessoas que são mais idosas, pois quanto sem tem a oportunidade de cuidar de alguém idoso, isto serve como uma preparação para o nosso próprio envelhecimento. Este convívio nos permite aumentar a nossa tolerância diante dos limites dos outros, pois uma pessoa idosa não tem mais tanta agilidade, necessitando de mais paciência de nossa parte, e este exercício é excelente para melhorarmos como pessoa. Quando deixamos de ter paciência com um idoso, é como se estivéssemos retirando dele o direito de envelhecer, exigindo que ele continue agindo como se ainda fôsse jovem. Isto é um grande erro, é preciso respeitar o direito de envelhecer, a juventude já passou, mas a vida ainda está ali presente, continua sendo um coração que necessita de nosso amor.

O sentido de fazer promessas


Também disponível em MP3.


Programa de 18/Setembro/2008. Aqui neste vídeo Pe. Fábio nos lembra que uma promessa feita pra Deus não pode ser considerado uma espécie de compra, como se Deus fosse um mercado em que nós pedimos as coisas, recebemos e então pagamos. Não é assim, a promessa é algo associado à infância da fé, não tendo mais tanto sentido quando amadurecemos, pois precisamos ser bons e agir corretamente mesmo quando Deus não nos atende em nossos pedidos, do contrário, se só formos bons quando Deus nos atender, então não estaremos vivendo o cristianismo.

A promessa faz mais sentido quando é feita entre as pessoas, pois serve como instrumento de construção de confiança. Conforme uma pessoa vai fazendo promessas pra você, e as vai cumprindo, a sua confiança nela vai aumentando, até chegar um momento em que a promessa não será mais necessária, pois a confiança já estará estabelecida entre as duas pessoas. Com Deus isto é desnecessário: Ele não precisa nos prometer nada pois nós sabemos que Ele é fiel e sempre cumpre suas promessas, e nós não precisamos fazer promessas para Ele porque Ele já nos sonda o coração, antes de a palavra chegar à nossa boca Ele já a conhece, Deus vê o coração, e sabe se o que dizemos é verdade ou não, não precisamos prometer nada.

Agradecer pela amizade de Deus


Também disponível em MP3.


Programa de 18/Setembro/2008. Neste vídeo Pe. Fábio fala sobre a música Graças Pai, de Martin Valverde, especificamente na parte em que se agradece pela amizade de Deus por nós. A forma como esta amizade se manifesta em nossas vidas é através daqueles que convivem conosco. Ao partilharmos nossa vida com os que estão ao nosso redor é que podemos viver profundamente esta amizade.

Graças Pai


Também disponível em MP3.


Programa de 18/Setembro/2008.

Graças, Pai, hoje venho te dar, e prostrar-me aos Teus pés
somente para agradecer, somente para dar-Te graças,
pois não encontro outras palavras em meu ser.
Graças, Pai, sei que Te fiz chorar por ser um mal-agradecido,
por não haver Te obedecido, mesmo assim me tens amado,
não me tens abandonado, permaneces ao meu lado, venho agradecer.

Graças, Pai, por amar-me numa cruz,
com amor incomparável em Teu Filho Jesus.
Graças, Pai, por Teu amor e Tua bondade,
por Tua força e amizade, por ser um Pai leal, sempre leal.
Graças, Pai, pelos pequenos e belos detalhes,
por cada coisa que me destes, por cada coisa que me negaste.
Mais que isto, graças, Pai, por Ti mesmo e pelo que És,
por Ti mesmo e como És, venho agradecer.

Graças, Pai, por amar-me numa cruz,
com amor incomparável em Teu Filho Jesus.
Graças, Pai, por Teu amor e Tua Bondade,
por Tua força e amizade, por ser um Pai leal, sempre leal.
Graças, Pai, pelas dores e alegrias,
por estar sempre ao meu lado, por Teu grande amor, meu Senhor.

quinta-feira, 18 de setembro de 2008

Medo de Deus


Também disponível em MP3.


Pe. Fábio atende neste vídeo à uma pessoa que diz ter medo de Deus, não consegue sentir o amor de Deus. Pe. Fábio nos lembra que os conceitos que temos em nossa personalidade são construídos de acordo com as experiências que vamos vivendo. Quando se ouve a frase "Deus é Pai" imediatamente vêm à mente da pessoa as experiências que ela teve com seu pai. Se ela teve um pai que não lhe deu amor, provavelmente terá dificuldade de enxergar Deus como um Pai amoroso, pois do seu pai não recebeu amor. É preciso corrigir os significados que temos dentro de nós, que podem estar deturpados. Muitas pessoas tiveram um aprendizado como se Deus fôsse um opressor, cobrador, que somente nos vigia para castigar, mas esta é uma visão complementa errada de Deus; Deus é amor, está sempre à nossa espera para nos derramar do seu amor.

Inseguranças nos relacionamentos


Também disponível em MP3.


Neste vídeo Pe. Fábio de Melo responde à uma pessoa que pergunta por quê há tanta insegurança nos relacionamentos atualmente. Pe. Fábio usa a filosofia para ajudar a compreender esta questão, antigamente os filósofos tinham um assunto central para discussão, como a origem do mundo, a constituição da matéria, as coisas sagradas, a intelectualidade, etc. O problema é que hoje em dia não há um consenso sobre o que é essencial para a sociedade, como se tinha antigamente. Hoje as realidades não são mais sólidas, há muita insegurança nos acontecimentos da vida, inclusive nos relacionamentos. Esta insegurança é resultado do medo que muitas pessoas têm de estabelecer um relacionamento duradouro, é como se as relações fossem líquidas, se desfazem com muita facilidade, o que gera muita infelicidade.

A Igreja é santa e humana


Também disponível em MP3.

Aqui neste vídeo Pe. Fábio responde à uma pessoa que pergunta sobre a necessidade de participar da Igreja, ao invés de relacionar-se apenas com Deus. A Igreja instituída por Cristo é Santa porque foi estabelecida pelo próprio Jesus, o Filho de Deus; mas também é humana, tem pecados, pois é formada por pessoas humanas, pecadoras. Algumas pessoas dizem que não vão na Igreja porque há muita gente "safada e hipócrita", e Pe. Fábio pergunta qual é o lugar que não tem pessoas deste tipo? Se for assim, não podemos ir nem à uma academia de ginástica. Se deixarmos de ir aos lugares porque lá há pessoas desagradáveis, ficaremos isolados e sozinhos. A Igreja tem erros sim, mas por causa dos humanos que os cometem, não por causa do Cristo que à conduz. Somente quem tem uma experiência verdadeira com Jesus, que sente intensamente o seu amor, é que consegue suportar estas dificuldades e seguir em frente sem desanimar.

Cultivar a vida


Também disponível em MP3.


Neste vídeo Pe. Fábio de Melo cita a frase "nos becos há sempre alguém procurando uma esperança pra sobreviver", da música Vida, e nos faz refletir sobre a violência que cresce nas cidades, onde muitas vezes os próprios pais são os agressores de seus filhos. Mesmo não estando diretamente ligada à nós esta violência nos influencia, nos faz ao menos ter a vontade de fazer algo para que este mundo seja melhorado. A Vida precisa ser cuidada nas pequenas coisas, é um dom de Deus que deve ser cultivado. Mesmo que nós não sejamos capazes de cometer tais atos violentos, muitas vezes pequenas violências com os que estão próximos, e também isto precisa ser mudado.

quinta-feira, 11 de setembro de 2008

Compreendendo a Sagrada Escritura


Também disponível em MP3.


Aqui neste vídeo Pe. Fábio explica que a Sagrada Escritura não pode ser compreendida fora do contexto, da situação em que foi escrita, as frases separadas não podem ser interpretadas sozinhas. Um bom exemplo é o livro do Apocalipse, que fala em destruição, fim dos tempos, mas que se refere ao Império Romano, não ao fim do mundo. O mesmo ocorreu com alguns textos do Antigo Testamento em que o autor mostra Deus como se ele fosse um guerreiro que mata todos os inimigos, mas Jesus revela que isto não é verdade, Deus é Amor, por isso não é capaz de fazer mal à ninguém, "amai vossos inimigos" nos ensina Jesus. Naquela época as pessoas achavam que Deus preferia os justos, perfeitos, etc., e isto ficou refletido na forma como se escreviam os textos sagrados, mas não significa que Deus seja da forma como foi escrito. A verdadeira face de Deus é aquela revelada por Jesus, de que Deus é Amor.

Reservas de amor


Também disponível em MP3.


Neste vídeo Pe. Fábio de Melo fala que precisamos nos esforçar para alcançar as reservas de amor que temos dentro de nós. Ele faz uma comparação com as camadas de petróleo que, para serem exploradas, é preciso antes atravessar as camadas de sal. Para atravessar as camadas de sal das nossas fraquezas é preciso nos espelharmos em Jesus, a misericórdia infinita que atravessa todas as fraquezas da humanidade com o Seu Amor.

Misericórdia e condenação


Também disponível em MP3.


Pe. Fábio de Melo fala neste vídeo que Jesus sempre faz de tudo para usar de misericórdia, Ele nunca condena ninguém, a condenação ocorrerá apenas na sua segunda vinda, onde Deus mesmo separará os justos dos injustos. Pe. Fábio dá o exemplo de um casal que vive em segunda união e que foi maltratado por um padre, que os condenou. Apesar de eles estarem vivendo uma situação irregular, é preciso levar em conta a situação como um todo, as circunstâncias em que isto ocorreu, e mesmo que se encontre faltas graves, ainda assim não se pode condenar, isto cabe à Deus. A Pastoral da Segunda União existe para estudar estas situações, os casais de segunda união, apesar de estarem numa situação irregular, também são igreja, e devem ser acolhidos como qualquer outro membro.

Fraqueza e misericórdia


Também disponível em MP3.


Neste vídeo Pe. Fábio fala que só podemos refletir sobre a fraqueza humana se ao mesmo tempo pensarmos na infinita misericórdia de Deus, pois somente ele nos olha com amor, e é isto que nos dá força para seguir em frente e superar a fraqueza. Pois se olhamos nossa fraqueza sob um olhar que nos condena, como o faz o inimigo de Deus, ficamos ainda mais fracos. Os olhares condenadores têm o poder de nos fazer adoecer. Quanto reconhecemos que somente Deus pode nos dar força para superar, alcançamos vitórias.

Tudo é do Pai


Também disponível em MP3.


Eu pensei que podia viver por mim mesmo
Eu pensei que as coisas do mundo
Não iriam me derrubar

O orgulho tomou conta do meu ser
E o pecado devastou o meu viver

Fui embora, disse ao pai:
-dá-me o que é meu!
Dá-me a parte que me cabe da herança!
Fui pro mundo, gastei tudo, me restou só o pecado
E hoje eu sei que nada é meu
Tudo é do pai.

Tudo é do pai!
Toda honra e toda a glória,
É dele a vitória alcançada em minha vida.
Tudo é do pai!
Se sou fraco e pecador, bem mais forte é o meu senhor
Que me cura por amor!

quinta-feira, 4 de setembro de 2008

O Segredo das Bem-Aventuranças

Durante uma Quinta-feira de adoração realizada na Canção Nova no dia 30 de junho de 2005, Padre Fábio de Melo fez a pregação chamada O Segredo das Bem-Aventuranças.

Abaixo você tem os links para baixar o vídeo ou apenas o MP3 desta pregação. Para saber a melhor forma de baixar estes arquivos, veja as instruções clicando aqui.

O vídeo desta pregação está disponível para download clicando neste link, também disponível em MP3 neste outro link. Você ainda pode comprar na loja da Canção Nova o DVD desta pregação, para assistir em sua TV, clique aqui para ir para a loja.

quinta-feira, 28 de agosto de 2008

Amor: processo de continuidade


Durante o Acampamento de Cura e Libertação realizado na Canção Nova em março de 2008, Padre Fábio de Melo fez a pregação chamada Amor: processo de continuidade.

Abaixo você tem os links para baixar o vídeo ou apenas o MP3 desta pregação. Para saber a melhor forma de baixar estes arquivos, veja as instruções clicando aqui.

O vídeo desta pregação está disponível para download clicando neste link, também disponível em MP3 neste outro link. Você ainda pode comprar na loja da Canção Nova o DVD desta pregação, para assistir em sua TV, clique aqui para ir para a loja.

Ecumenismo é respeito


Também disponível em MP3.


Neste vídeo Pe. Fábio fala o ecumenismo, uma palavra que significa "a casa que está em ordem". No âmbito da "casa" do cristianismo, significa unir as religiões cristãs naquilo que é comum entre elas, o Evangelho, sem que elas percam sua identidade. O ecumenismo é um grande passo em direção à paz. Hoje no mundo as desavenças religiosas são a maior ameaça à humanidade, como ocorre nos constantes ataques terroristas com motivos religiosos.

A unidade entre religiões proporcionada pelo ecumenismo permite uma troca de riquezas espirituais muito frutífera. Estas riquezas estão presentes em todos os cristãos, porque vêm de Cristo. Jesus não consegue estar presente quando nós passamos à julgar a religião do outro. Pe. Fábio testemunha sua alegria ao ouvir a cantora evangélica Ana Paula Valadão, do Ministério Diante do Trono, dizendo que se alegra em ouvir suas músicas cantadas por católicos, por suas músicas são feitas para Jesus, não apenas para sua igreja.

Um ponto importante a ser observado, é que antes de partir para a reconciliação no ecumenismo, é preciso reconciliar-se na própria igreja. Quantas vezes nas comunidades paroquiais os próprios paroquianos não se reconciliam, não se amam. Pe. Fábio dá o testemunho triste de ter presenciado diversas vezes equipes de liturgia brigando entre si para ver qual delas preparava a Missa mais bonita, mas sem o intuito de fazer o povo rezar, mas sim de desmoralizar a outra equipe. Nosso trabalho pastoral não pode ser para própria vaidade, mas sim para louvar a Deus.

Deus conta conosco para poder agir


Também disponível em MP3.


Aqui neste vídeo Pe. Fábio atende à uma pessoa que pergunta se Deus age sem que as pessoas peçam. Pe. Fábio responde comparando a um pai que não espera pelo seu filho pedir quando percebe sua necessidade. Assim ocorre com Deus, ao ver nossa necessidade ele já se predispõe a nos auxiliar, mas sem ir contra a nossa vontade. Ele conta com nossos pedidos, mas não porque eles sejam necessários pra Deus, eles são úteis para nós, fazer pedidos, expor as nossas necessidades faz bem para nós.

Nossas orações, nossos pedidos, não devem ser feitos como se Deus fosse um subordinado, que faz nossas vontades. Deus espera a nossa contra-partida, o nosso empenho, pois a Ele cabe fazer o impossível, o que é possível cabe a nós fazer. Deus só poderá agir na humanidade se nós nos colocarmos à disposição, Ele nos dá a força necessária, mas cabe a nós transformar o mundo.

Transformados pelo Amor de Deus


Também disponível em MP3.


Neste vídeo, ao refletir sobre a música Deus é capaz, Pe. Fábio de Melo fala sobre a necessidade de acreditarmos incondicionalmente no Amor de Deus, que é capaz de tudo por nós. A maior dificuldade que temos para compreender o Amor de Deus é o fato de ele ser tão grande, nos ama acima de tudo, independente do que somos ou do que fazemos. O amor nos leva a transformar nosso jeito de agir para sermos melhores para os outros, quanto mais amamos, mais aprimorados ficamos. Diferentemente do ódio, quando ocupamos o coração com ódio, nós regredimos, nos tornamos pessoas piores.

Deus é capaz


Também disponível em MP3.


Deus é capaz de transformar tua vida
O impossível Ele fará porque és precioso aos Seus olhos
E se tiveres a coragem e a loucura de acreditar
Então irás provar que Ele pode muito mais

Deus é capaz de trocar reinos por ti
Abre mares para que possas atravessar
E se preciso fosse daria novamente a vida por ti
Deus só não é capaz de deixar de te amar

É preciso crer e se entregar sem medo
Ele nunca vai tirar a tua liberdade se não queres
Mas se te entregas sem reservas tua vida se transformará
Então irás provar que Ele pode muito mais...

sexta-feira, 22 de agosto de 2008

Maria, mulher de aço e de flores

Durante o Hallel Canção Nova 2008, Padre Fábio de Melo fez a pregação chamada Maria, mulher de aço e de flores.

Abaixo você tem os links para baixar o vídeo ou apenas o MP3 desta pregação. Para saber a melhor forma de baixar estes arquivos, veja as instruções clicando aqui.

O vídeo desta pregação está disponível para download clicando neste link, também disponível em MP3 neste outro link. Você ainda pode comprar na loja da Canção Nova o DVD desta pregação, para assistir em sua TV, clique aqui para ir para a loja.

Show no Hallel Canção Nova 2008

Veja o show feito por Pe. Fábio de Melo no Hallel Canção Nova 2008:

Chegada
Milagres
O céu é tua casa
Vida (Fábio Júnior)
Não desista do amor
Apenas mais uma de amor
Busque o alto - Adoração, Louvor a Ti - Porque ele vive - Glória
Filho do céu
Luz divina

quinta-feira, 21 de agosto de 2008

A arte de ser encontrado por Deus


Durante o Acampamento de Carnaval realizado na Canção Nova em 2007, Padre Fábio de Melo fez a pregação chamada A arte de ser encontrado por Deus.

Abaixo você tem os links para baixar o vídeo ou apenas o MP3 desta pregação. Para saber a melhor forma de baixar estes arquivos, veja as instruções clicando aqui.

O vídeo desta pregação está disponível para download clicando neste link, também disponível em MP3 neste outro link. Você ainda pode comprar na loja da Canção Nova o DVD desta pregação, para assistir em sua TV, clique aqui para ir para a loja.

quarta-feira, 20 de agosto de 2008

O que é família?


Também disponível em MP3.


Aqui neste vídeo Pe. Fábio atende à uma mulher que está preocupada, pois é mãe solteira, e ouviu falar que por isso ela não constitui família. Mas Pe. Fábio explica que família é um grupo de pessoas que estejam vivendo em consonância com a Palavra de Jesus, mesmo que seja formado apenas pela mãe e seus filhos. Pe. Fábio não recomenda à ninguém que seja mãe solteira, pois é uma situação de muita dificuldade, mas se isto ocorreu, é preciso viver buscando o entendimento, como família.

Uma família deixa de ser família quando se perde o respeito, o amor de um para com os outros. Há muitas "famílias" que se dizem como tal, mas o vivem no adultério, sem amor, sem compreensão; deixaram de ser família, são apenas um grupo de pessoas que moram na mesma casa.

Casamento não é mágica


Também disponível em MP3.

Neste vídeo Pe. Fábio explica que a frase "Não separe, pois, o homem o que Deus uniu." (São Marcos 10,9) não é mágica. Não significa que, uma vez que Deus uniu, então nunca será separado pelo homem, mas sim é um mandamento de Deus. Se o homem e a mulher desobedecerem, acabarão tornando o casamento infértil. Se esta união estabelecida por Deus não for cultivada pelo casal no dia-a-dia ele poderá morrer, como uma semente que não é regada. O Sacramento do Matrimônio é uma semente de amor plantada no coração do casal, e precisa ser cultivada para crescer.

Cristo, humano por inteiro


Também disponível em MP3.


Aqui neste vídeo Padre Fábio de Melo explica o significado da frase "Jesus desceu à mansão dos mortos", que está na Profissão de Fé católica, também conhecida como Creio em Deus Pai. Pe Fábio explica que Jesus Cristo, por ser verdadeiramente humano, ele viveu todas as fases da vida humana, inclusive a morte, cumprindo todo o processo humano da encarnação. Esta descida até a mansão dos mortos se deu para que ele pudesse, em sua ressurreição, resgatar a todos os pecadores. E esta ressurreição deve ser vivida a todo momento, cada pecado que vamos superando em nossas vidas, pela força de Cristo, é um pouco que ressurreição de Cristo que já acontece aqui, pré-figurando a ressurreição definitiva que acontecerá na volta de Jesus.

Ser santo é ser humano


Também disponível em MP3.


Neste vídeo Pe. Fábio reflete sobre a música Humano Demais, dizendo que o processo de santidade é um processo de humanização, para ser mais santo é preciso ser mais humano. A convivência com o mundo ao nosso redor é que nos torna mais humano, experimentando as diferenças que existem naqueles que estão próximos. Muitas vezes temos uma visão errada, achando que ser santo é ser como anjos, mas não é. Ser santo é ser humano, e ao descobrir a fragilidade que há em nós, pois somos peças de cristal, é que surge a motivação para aperfeiçoar os valores humanos que há em nós, como nos ensina Jesus, Ele que é o modelo de humanidade, de amor pleno.

quinta-feira, 14 de agosto de 2008

Calúnias devem ser peneiradas


Também disponível em MP3.


Padre Fábio de Melo atende à uma pessoa que está sendo caluniada por ter crescido na vida, sendo que algumas pessoas dizem que o fez de forma ilícita. Pe. Fábio o orienta a tomar consciência do ditado popular que diz que "ninguém chuta cachorro morto". Ou seja, quando a calúnia ocorre, é porque as nossas conquistas estão sendo motivo de inveja para outras pessoas. Não podemos dar bola para a calúnia e a inveja, pois isto não acrescenta nada em nossa vida. Se uma calúnia tiver fundamentação em algum pecado que realmente cometemos, resta-nos arrepender-nos e decidir mudar, não dar mais razão para que aquela calúnia seja verdade. Ao escutarmos uma calúnia devemos peneirar, ficando com o que é bom, com aquilo que pode nos fazer pessoas melhores, e simplesmente jogar fora aquilo que não presta.

Reconciliando-se com o passado


Também disponível em MP3.


Aqui neste vídeo Pe. Fábio de Melo fala sobre os acontecimentos do passado que influenciam o nosso presente, principalmente aqueles gestos feitos por nossos antepassados, pelas pessoas que conviveram conosco no passado. As marcas deixadas em nós pelas pessoas devem deixar de influenciar nossas vidas através da reconciliação. Muitas pessoas não se aceitam pelos seus atos do passado, ou pelos atos feitos por outras pessoas. É preciso fazer uma limpeza em nossa vida afetiva da mesma forma que limpamos uma gaveta cheia de coisas velhas, jogar fora o que não presta, que só está ocupando espaço e incomodando.

Nós temos o poder de interromper os comportamentos errados que são passados de geração em geração. Pe. Fábio dá o exemplo de uma pessoa que sofre com a violência de seu pai, mas que por sua vez age com violência pois foi assim que o avô sempre o tratou. Está nas mãos desta pessoa interromper esta "herança" de comportamento violento. Trata-se de uma decisão que ela precisa tomar, e não ser violenta com seus filhos, jogar fora o que não presta.

Fazendo bolos


Também disponível em MP3.


Neste vídeo, Pe. Fábio fala de uma pessoa que perdeu duas filhas num trágico acidente, e que recentemente conseguiu novamente fazer um bolo que uma de suas filhas mais gostava. Desde a perda de suas filhas ela não fazia o bolo pois não tinha coragem. Mas com o passar do tempo, se esforçando para superar a perda, conseguiu fazer o bolo. Pe. Fábio diz que nestes pequenos gestos é que é possível ressuscitar as pessoas que já partiram, trazê-las presente novamente, reviver estes momentos que elas já não podem fazê-lo. Ele usa este acontecimento como uma metáfora para nossas vidas, é preciso constantemente fazer bolos com os ingredientes que a vida nos fornece, sejam eles bons ou maus ingredientes.

Esta vida que temos para viver é única, não podemos perder tempo excessivo com o sofrimento das perdas. O luto causado pela perda de uma pessoa querida é necessário e deve ser vivido com intensidade, mas não pode se prolongar. Se as pessoas que partiram estivessem conosco, nos diriam "Vai viver, vai viver por mim a vida que eu não posso mais".

Silêncios e Palavras


Também disponível em MP3.


Neste vídeo Pe. Fábio fala sobre a importância de sabermos silenciar no momento certo, e também de saber falar a palavra certa, na hora certa. Palavra errada, na hora errada pode machucar tanto quem ouve quanto quem fala. É mais fácil se arrepender de uma palavra errada do que de um silêncio. As poucas palavras dos sábios valem mais do que uma multidão de palavras dos apressados.

Na comunicação verbal somos freqüentemente incompreendidos. Quando isto ocorre, é porque alguém falou com pressa, ou alguém ouviu sem atenção. As palavras ditas de forma errada podem ocorrer através de um conteúdo errado, ou de uma forma errada. Dizer algo correto, mas com dureza, não surte efeito; da mesma forma como falar mentiras de forma suave. É preciso estar atento ao conteúdo do que se está dizendo, mas também a forma deve ser muito bem elaborada. É o que Jesus faz, suas palavras são muito duras, mas Ele o faz com tanta ternura que é impossível não mergulhar em seu Amor.

Muitas vezes o que está errado não está no que nós dizemos, mas sim na forma como o fazemos. É preciso fugir da pressa, da raiva, da ira; pois tudo isso retira de nós a sabedoria, nos impedindo de falar com ternura.

segunda-feira, 4 de agosto de 2008

Arsenal de infantilidades

Durante um Acampamento de Cura e Libertação realizado na Canção Nova em março de 2008, Padre Fábio de Melo fez a pregação chamada Arsenal de infantilidades.

Além de assistir aqui no blog, abaixo você tem os links para baixar o vídeo ou apenas o MP3 desta pregação. Para saber a melhor forma de baixar estes arquivos, veja as instruções clicando aqui.

O vídeo desta pregação está disponível para download clicando neste link, também disponível em MP3 neste outro link. Você ainda pode comprar na loja da Canção Nova o DVD desta pregação, para assistir em sua TV, clique aqui para ir para a loja.

quinta-feira, 31 de julho de 2008

Imagens são apenas imagens


Também disponível em MP3.


Neste vídeo Pe. Fábio explica o sentido da devoção que se tem pelas imagens sagradas. O fato de serem imagens não dão à elas nenhum poder especial, imagens são apenas imagens, não têm poder de curar, de mudar as pessoas, de nada. Ao contemplarmos uma imagem, estamos apenas lembrando alguém que admiramos. O que deve ocorrer é a mudança de vida que nós mesmos devemos realizar em nossa vida, diante daquilo que uma imagem nos lembra. Quando contemplamos uma imagem de Jesus crucificado é com o objetivo de buscar compreender o porquê de tanto amor por nós, ao ponto de dar a vida por nós; buscar encontrar em Jesus a força necessária para superar nossos sofrimentos.

Quando se põe importância na imagem enquanto objeto, achando que a imagem tem poder de transformação, está caracterizada a idolatria. E não é isto que a Igreja prega, pelo contrário, conforme Pe. Fábio aqui fala. Os gestos que fazemos diante de imagens, como por exemplo uma procissão, ou um canto, etc., só terão repercussão se isto causar uma mudança em nossa forma de agir, o gesto sozinho não pode fazer nada, não podemos ficar apenas no material.

Conflitos que amadurecem


Também disponível em MP3.


Aqui neste vídeo Pe. Fábio atende à uma mulher que foi deixada pelo marido, apesar de nunca terem brigado durante o namoro e também no casamento. Pe. Fábio alerta que "não se casa com uma pessoa com quem você nunca brigou, isto não é um valor". Muitas vezes temos uma visão muito romântica do relacionamento à dois, achando que o objetivo é viver sempre de bem, nunca brigar, etc.

O casamento só pode ocorrer depois que se viveu, no namoro, todas as fases do conflito, conhecer a pessoa à fundo, mesmo nas diferenças. Do contrário se estará querendo viver um conto de fadas, com príncipe encantado, que na verdade é um sapo; à meia-noite a carruagem vira abóbora e o casamento vai por água à baixo. Os conflitos é que amadurecem uma pessoa, uma criança precisa enfrentar os problemas para crescer como pessoa, se os pais protegerem demais estarão criando uma pessoa insegura e imatura.

Os conflitos servem para um mostrar ao outro todo o seu ser; se mesmo nas diferenças os dois continuam juntos e se amando, significa que têm condições de fazer feliz um ao outro, que é a razão de ser do casamento, juntamente com a geração da vida.

Personalidades cristalizadas


Também disponível em MP3.


Neste vídeo Pe. Fábio atende à uma mulher cujo marido tem um gênio muito difícil, possessivo, que não pede desculpas e se faz de vítima. Eles têm 36 anos cada um, e estão casados há 10 anos. Pe. Fábio fala que, pelo que ele percebe, a personalidade do marido está "cristalizada", ou seja, já virou pedra, está muito pouco propenso à mudança.

Como se diz, "é de pequenino que se torce o pepino", assim também ocorre conosco. Quando somos crianças, nossos defeitos precisam ser tratados, para não ficarem piores na adolescência, juventude, vida adulta, etc. Um criança que grita com os pais, tem uma leve tendência a tornar-se uma pessoa autoritária, é neste momento que precisa-se agir, e mudar a criança enquanto é tempo.

Foi este processo que aconteceu com o marido desta mulher, provavelmente quando ele era criança demonstrou características possessivas, mas não foi tratado, e agora este defeito "cristalizou". Pe. Fábio orienta esta mulher a abrir o jogo com seu marido e explicar toda a sua mágoa, e, se ele realmente a ama, deverá se esforçar para mudar. Do contrário, se ele não havia se revelado desta forma antes do casamento, pode inclusive ocorrer a nulidade do casamento, pois ela pode ter se unido a alguém que não conhecia de verdade.