quinta-feira, 31 de julho de 2008

Conflitos que amadurecem


Também disponível em MP3.


Aqui neste vídeo Pe. Fábio atende à uma mulher que foi deixada pelo marido, apesar de nunca terem brigado durante o namoro e também no casamento. Pe. Fábio alerta que "não se casa com uma pessoa com quem você nunca brigou, isto não é um valor". Muitas vezes temos uma visão muito romântica do relacionamento à dois, achando que o objetivo é viver sempre de bem, nunca brigar, etc.

O casamento só pode ocorrer depois que se viveu, no namoro, todas as fases do conflito, conhecer a pessoa à fundo, mesmo nas diferenças. Do contrário se estará querendo viver um conto de fadas, com príncipe encantado, que na verdade é um sapo; à meia-noite a carruagem vira abóbora e o casamento vai por água à baixo. Os conflitos é que amadurecem uma pessoa, uma criança precisa enfrentar os problemas para crescer como pessoa, se os pais protegerem demais estarão criando uma pessoa insegura e imatura.

Os conflitos servem para um mostrar ao outro todo o seu ser; se mesmo nas diferenças os dois continuam juntos e se amando, significa que têm condições de fazer feliz um ao outro, que é a razão de ser do casamento, juntamente com a geração da vida.
Postar um comentário