Vídeos pelo WhatsApp

Quer receber os vídeos pelo WhatsApp?
Veja os detalhes neste link.

sábado, 7 de maio de 2011

Novo sentido para a ausência


Também disponível em MP3.

Programa de 04/Maio/2011. Neste vídeo Padre Fábio de Melo fala sobre uma senhora que conheceu em um de seus shows, e que perdeu dois filhos e o marido num curto espaço de tempo. Padre Fábio fala de como ficou feliz de encontrar aquela senhora, que mesmo diante de tanto sofrimento, conseguiu encontrar força no Evangelho de Jesus para seguir em frente, administrando seu luto, sua perda, pois é um processo muito difícil de ser vivido, é preciso aprender a dar um novo sentido para a ausência daqueles que se foram. O que devemos fazer diante de perdas tão duras? É muito importante não se privar de alegrias por causa de uma grande tristeza, a vida precisa continuar.

9 comentários:

soeli.. disse...

essa frase é para mim

guiomar disse...

mais uma vez escuto um video de PADRE FABIO onde ele ler um email de uma senhora que perdeu dois filhos e em curto prazo perdeu seu seu esposo. Sabe gente n~]ao esiste coisa pior que perder alguem que amamos.Perdi meu esposo em 2003, eu estava aqui em GOVERNADOR VALADARES, e com 2 mezes recebi um elefonema com a triste notica. Ele era um marido exelente, maravilhoso, foram 27 anos de casados.Sabe gente é uma dor que parece está acabando com a gente por dentro. Só que,tive de aprender a conviver com a dor, o sofrimento. Sabe gente já setá com 9 anos mais eu ainda sinto muita saudade, muita falta dele. É uma dor como se foce uma ferida sem sicatrizar.Mais agora já estou aprendendo a conviver com essa dor, com essa falta, e com a saudade, só que a saudade doi muito mais. Ele deixou 3 filhos maravilhosos, já são casados e eu moro só. Foi uma escolha minha, deixar os meus filhos viverem suas vidas. As pessoas me davam concelhos para eu me casar outra vez, mas ninguem concegue preencher esse vasio de dor e de amor, é o que restou pra mim, as lembranças amorosas.

guiomar disse...

olhe gente é muito dificil quando perdemos alguem. Eu já perdi muitos membros de minha familia, mais a maior e a mais dificil e dolorosa foi quando perdi meu esposo à 9 anos, e vou ser sincera com vocêz não esiste coisa pior do que isso. Ele era tudo para mim, mesmo ele trabalhando fora, a gente era ligado, unidos, eu costumava e costumo dizer que éramos uma só pessoa. Mas derrepente assim sem eu saber, estava aqui em Valadares com nossos filhos e derrepente veio a péssima noticia, e a partir dai acabou, não tive mais o meu porto segur5o. Mas eu tive que dar um outro rumo em minha vida, coisa que eu só fasia com ele. Eu me vi desesperada sem saber como resolvertudo e sosinha, porque quando ele me chamava para explicar tudo sobre as coisas dele para eu ficar por dentro em caso de acontecer algo com ele eu não aceitava e saia de perto dele. Mais depois eu tive que me virar sosinha para resolver o que não sabia. Mais graças a DEUS concegui. Já está com 9 anos só agora é que estpou conceguindo modificar aos poucos o meu estilo de vida, sóm que ainda está sendo muito dificil para mim.

Ariana - mamãe do Rogérinho disse...

PADRE FABIO, eu tenho um testemunho de fé,e uma historia muito triste.
Perdi meu filho com 2 anos e 8 meses,e quase perdi minha filha no mesmo dia, foi uma discuçao de transito que no carro estava meus filhos e meu pai e meu irmão!E o senhor padre me ajudou muito, eu ficava trancada no meu quarto lendo seus livros e neles vi q ia suporta tudo!Mas minha historia tem minha filha que viu tudo, quando o homem BRAVO E NERVOSO, atirou no centro de campo grande ms,no carro que estava minha familia meus filhos,esse homem estava armado e atirou no carro do meu pai,e atirou na boca do meu pai e no pescoço do meu filho com BALA EXPLOSIVA!! minha filha fala pra mim que seu irmão, falava quando tomo o tiro ela estava do lado dele e me disse mãe ele falava assim pra mim AI AI AI.... e eu nao abaixei ele!!Como DÓI!! PADRE foi um motivo tão banal,mas hora nenhuma culpei DEUS, e nem me revoltei com DEUS mesmo vendo tudo e todos falando que DEUS podia evitar!Sei que meu filho esta bem,queria muito poder contar minha historia para o senho, foi nacional a polemica fui na Ana maria braga,mesmo estando mal,para alerta que as pessoas estao cada dia mais sem DEUS no coraçao, so isso justifica oque esse homem fez com minha familia,padre eu tão nova com22 anos passando por tudo isso, me deu depressao depois de 1 ano,isso tudo ocorreu no dia 18 de noven de 2009!Deixei as crianças com meu pai e meu irmão para ir compra uma arvore de natal p eles montarem,e nao quiz levar pq era surpresa,foi eu e minha mãe compra a arvore e presente de natal,e eles sairam com meu pai e meu irmão,e acordei dei beijo nele disse para ele q amava ele muito... e sai,quando recebi a noticia estava aqui em casa ja com a arvore p eles,me falaram o rogerinho esta no hospital com seu pai tomou um tiro, e minha filha fez coco na hora eu vi ela com um olhinho de ponto de interrogação, me arrumei e fui para a santa casa e la esperei,ele passou por cirurgia, entrei na CTI e estavam reanimando ele eu vi tudo,o barulho do aparelho de coraçao nao sai do meu ouvido,padre cedo estava com meu filho e atarde no hospital e anoite no velorio e no outro dia enterrando ele,que dor!Esse é um desabafo de uma MÃE QUE PERDEU UM FILHO LINDO E AMADO!
Ha ia me esquecendo OQUE ELE MAS AFALAVA PARA TODOS É eu AMO VOCÊS MUITO MUITO MUITO.....

guiomar disse...

Ariana o meu nome é guiomar e faço comentário dos blogs. Eu li o seu texto falando sobre o que vc passou.Vc viveu horas horríveis,e tempos com afliçã. sinceramente vc é muito forte, ou melhor dizendo a gente se faz de forte para sobreviver as percas não é? Infelismente eu já passei por muitas percas, mais a pior foi a do meu marido, já está com 9 anos e nunca concegui esquecer.

Patricia disse...

Amiga Ariana
Eu te entendo muito. A perda de um filho é uma dor sem nome. Não sabemos como continuamos de pé. Só por Deus mesmo, porque nosso coração é dilacerado para sempre. Eu também amiga, em um dia estava com minha filha, ela toda feliz à tarde, uma adolescente linda e cheia de vida, fazendo planos para seus 15 anos que seriam naquele mês, tinha saído com o namoradinho, por volta das 18:00 h começou uma febre forte, no outro dia de manhã no hospital (ela teve uma broncopneumonia fulminante) e à noite no velório. É a dor mais cruel filhos partirem antes dos pais. E ficamos sem ação diante da tragédia. Eu lembro que falei; "Minha vida acabou."
Foi em outubro de 2009 e nunca mais consegui ter paz plena. O que me ajuda é ouvir as palavras do Pe. Fábio, que deveria ser chamado de Padre das Mães. Faço um blog para desabafar. A dor é inexplicável. E seu eu pudesse ir no lugar dela, mil vezes eu iria.

http://queroumcaminho.blogspot.com

Patricia, mãe da Carol

GABY disse...

HÁ UM MÊS PERDI MEU NOIVO, SINTO MUITO A FALTA DELE.ESTOU DEPRESSIVA,NÃO SEI O QUE FAZER DA MINHA VIDA,ME SINTO COMO SE NADA NA VIDA TIVESSE IMPORTÃNCIA PARA MIM.ELE ERA UMA PESSOA MARAVILHOSA, UM BOM FILHO,BOM IRMÃO,E SERIA TAMBÉM UM BOM MARIDO.TODAS AS NOITES CHORO E PERGUNTO PARA DEUS,PORQUE ELE SE FOI ASSIM TÃO RÁPIDO, DE UM SIMPLES ATAQUE CARDIACO.CARREGO UMA TRISTEZA PROFUNDA EM MINHA ALMA...

Ariana - mamãe do Rogérinho disse...

Minhas amigas, nos sabemos oque estamos sentindo é DOR na alma,mas temos que ter FÉ em DEUS!Amigas vamos se unir e vencer essa dor com o nosso PAI.
Sei que tem dias que doem muito mais... e que nós, nos perguntamos o POR QUE?? mas tudo um dia vai ter explicação,estamos sofrendo aqui na terra,mas vamos ser muito feliz no CÉU,podem ter certeza disso!!
Sei oque vocês estão passando,e vocês sabem bem da minha DOR, mas vamos lutar contra a DEPRESSÃO,porque essa doença,deve ser tratada e combatida,não deixem o mal tomar conta do seus corações,pois ele tenta mas nos temos DEUS do nosso lado!
Um beijo no CORAÇÃO DE VOCÊS,FIQUEM COM DEUS SEMPRE!! ELE TUDO PODE E NOS FORTALECE....

direção espiritual disse...

Perder alguém que amamos não é fácil,e não tão fácil esquece-la, é um estágio muito doloroso . Que Deus console cada um de dos meus irmãos !!!